26.7.10

quem tem medo de ser feliz?

creio que o medo seja um dos maiores obstáculos para a tomada de consciência de si mesmo. o medo nos paralisa. subtrai nossa vontade de trilhar um caminho diferente. nos acovarda e estanca a possibilidade de novas conquistas.

tendo essa visão do quanto temer é retroceder, não me surpreende que a campanha tucana tenha optado por colocar mais uma vez o medo no centro da disputa eleitoral. taí uma estratégia tão vulgar e rasteira que chega a ser ridícula.

eu ia escrever "cômica" no lugar de "ridícula" mas, sinceramente, expor a inteligência da população brasileira ao velho discurso do medo, não tem graça nenhuma. embora despreparado, o deputado índio da costa, que pleiteia a vice-presidência do brasil, é um homem jovem.

e por esse motivo, sim, me tomou de improviso a sua entrevista dizendo que o partido dos trabalhadores é ligado às farc e ao narcotráfico. considero realmente lamentável que um político da sua geração saia por aí expondo uma visão tão anacrônica do que é um embate eleitoral.

já o candidato josé serra - conhecido exurpador de políticas públicas alheias e administrador mediano - é um homem que almeja chegar à presidência da república, cargo máximo da nação, e por isso deveria ao menos se levar mais a sério.

ou vá lá: que ele se conheça tão bem que seja incapaz de acreditar em si mesmo, mas que não desdenhe do eleitorado. o que todos queremos é uma campanha em cima de propostas. o brasil não é mais o mesmo e é com a participação da gente que a nossa democracia avança.

o momento não é de medo, como querem nos ludibriar reeditando esse discurso mofado e modorrento de quem não tem bravura moral nem competência de apontar novos rumos para o país. a hora é de lançar holofotes sobre o que defende cada um dos nossos candidatos.

para finalizar este post, deixo estes dois vídeos que, na minha opinião, sintetizam bem a diferença entre o prato raso oferecido pelos demotucanos e o projeto de transformação iniciado pelo governo de dilma e lula - duas pessoas que demonstraram acreditar no valor e na coragem dos brasileiros.

com vocês, a medrosinha do brasil. e lula - o metalúrgico que tirou 24 milhões de pessoas da miséria - numa entrevista concedida exatamente oito anos após a regina duarte ter feito este verdadeiro papelão em rede nacional de tevê. plim-plim.




2 comentarios:

kalango Bakunin dijo...

eu tenho pena de quem tem como plano de vida ser poderoso
milionário
Presidente do Brasil
comprar uma ferrari

pobre serra
não busca a felicidade
a paz
a amizade
não busca fazer o bem

como dizia meu avô
a missão de nossas vidas é fazer o bem

coitado
seu único objetivo na vida
é ter o mais alto poder

nossos planos de vida, Nanda
são muito mais modestos

viver feliz
amar e ser amado
melhorar a humanidade
não matar
não exterminar
não poluir

cuidando da nossa vida
protegendo nosso planeta
e vivendo todas as vidas das coisas vivas

para que no fim das nossas vidas
estejamos em paz com o universo
e que voltemos a ele
com um sorriso
e um suspiro
de felicidade

fernanda barreto dijo...

é isso. exatamente isso, sim =)