17.3.11

das coisas que se aprende amando:

a confiança é um elemento integral: vacila, mas não dorme. nem chega a estremecer. quando se confia em alguém, confia-se com tudo. 

a confiança é uma linha curva e contínua sobre os pontos mais variáveis. confia-se não apenas que o outro não lhe faça algum mal, seja com a boa ou má intenção do seu coração. confia-se, além disso e sobretudo, no intento do outro. no poder de decisão do outro. na certeza indissolúvel de que a pessoa digna de confiança sabe bem o que faz - mesmo quando faz algo que não nos agrada. 

a confiança integral é quando confia-se, invariavelmente, que a pessoa na qual se confia fará do seu caminho o melhor que puder.

3 comentarios:

Ual dijo...

Quanto a gente não aprende amando? E quanto a gente não aprende confiando?...
Inté, bjs.

Vinícius Carvalho dijo...

Existe a certeza indissolúvel de quem sabe bem o que faz? ;)

nanda barreto dijo...

acho que sim, vi. nas palavras do poeta, isso seria: "quanto mais fores o que quiseres, mais serás o que eu queria".

beijos!