17.4.06

azulzinho

os primeiros raios de sol chegam graciosos na minha cama. é luz que anuncia o dia. mais um, menos um. tudo é ponto de vista. e cada qual avista de onde está. as crianças da escola gritam eqüissonantes e pronto! meus ouvidos acordam. miro o teto e repasso a vida. repenso atitudes, planejo melhoras, calculo o ganha pão. mais dez minutos e me sinto apta a escutar o que querem os jovens franceses ou que estripulias pretende a oposição. louro josé é sinônimo de economia de energia e desligo a televisão. seguro as pontas das minhas ambigüidades e descarrego minha energia correndo. corro. corro pra ganhar tempo. o tempo, enfim, começa a fazer algum sentido. os dias, um após o outro. as semanas. os prazos. os meses. os limites. corro até a igrejinha e volto. os pulmões ganham resistência. o corpo avança. cansa. transpiro as últimas gotas de suor subindo as escadas. roupa na máquina, torradeira ligada, cafeteira mandando ver. respiro. respiro. profundamente. e só o banho pode levar a inquietude de mim. ralo abaixo qualquer angústia. porque existir é difícil. e viver bem pode ser opção. escolho a roupa mais confortável. e um colar que me deixe parecida comigo, pronta pra me repartir. cumprimento o porteiro, a manicure, o sapateiro, a senhora que vende balas no semáforo e a motorista da lotação. leio carta capital. a única semanal, que estou sectária convicta nos últimos tempos. chove na esplanada e me sinto leve. o ritmo está impresso. o telefone não pára. os colegas sorriem quando não estão concentrados. eu me sinto grata. agradecida. eu me sinto bem acompanhada e confiante nas minhas escolhas. respondo alguns e-mails e envio postais pelo correio. vontade de estar mais perto de quem está longe. vontade de todo mundo. disposição para o terremoto. os astros indicam que estou no ponto exato. minha mãe me dá força. os amigos, suporte. eu falo mais do que devo, me meto nos extremos, me preservo de menos. mas tenho sorte. e meu saldo é azulzinho.

1 comentario:

silviapavesiphotos dijo...

Fê, têm coisas muito boas no teu blog. Continua escrevendo.
É bom de ler