15.10.08

Dando um toque

Dia destes comentava com um grande cúmplice como seria bom se pudéssemos manisfestar nossas opiniões sem ônus. Não me refiro a qualquer opinião - que certamente o mundo entraria em colapso por excesso de sinceridade - mas àquelas parecidas com conselhos, só que direcionadas a pessoas com as quais não temos lá estas intimidades.

Do tipo: "Caríssima colega de trabalho, aquele seu perfume maravilhoso só agrada a você mesma. Colabore com nosso ambiente profissional e guarde-o para suas ocasiões especiais". Ou: "Prezado professor, você tem boa oratória, mas falar 'houveram' durante as aulas pega meio mal. Por favor, evite esta palavra. Ela não existe, oquei?".

Foi aí que este meu cúmplice deu uma ótima sugestão: porque não criar um e-mail só para este tipo de recado? As mensagens eletrônicas cumpririam o duplo papel de me libertar das inquietantes impressões que tenho sobre algumas pessoas ao mesmo tempo em que as faria refletir sobre determinados assuntos.

O melhor de tudo é que, não informando o remetente aos destinatários, os e-mails evitariam qualquer tipo de indisposição interpessoal. Seriam como cartas anônimas ou uma espécie de amigo oculto mesmo. Minha imaginação foi longe e fiquei antecipando outros comentários:

"Estimada presidente da empresa, você fica muito mais bonita quando abandona seu estilo homem contemporâneo e usa vestidos. Especialmente os de tons terra". "Camarada vizinho, sair do armário o faria mais feliz. Tente!". "Querido professor. Muitas vezes o mau hálito está relacionado a problemas de estômago. Consulte um médico". E por aí fui...

Mas o fato é que achei a idéia do meu amigo tão boa, mas tão boa, que resolvi compartilhá-la e criei o tal e-mail. A lógica é a mesma de um serviço comunitário gratuito: Para participar é só acessar dandoumtoque@gmail.com. A senha é "doaaquemdoer" e os temas são livres. No entanto, é recomendável manter a delicadeza e não fazer uso de ofensas. Vamos lá! Seja um voluntário e dê um toque a quem (precisa) merece!

1 comentario:

Cínthya Verri dijo...

Cara,
tu é otima.
Beijos meus pra ti.
PS. um dia tu vem até Porto Alegre e a gente se conhece!?