5.3.10

sonho:

eu estava num lugar de natureza paradisíaca, instalada numa casa ampla, com mais umas 40 pessoas. estávamos lá para um desses trabalhos de imersão de algum projeto que eu não lembro qual era. à noite, algumas amigas de infância, que sei lá porquê também pintaram por lá, beberam aiosca e foram passear pelo lugar. era tudo exuberante e maior que o tamanho "normal": cachoeiras, pedras, árvores, fauna e toda flora. o luar era quase tão forte quanto a luz do sol.

todas as minhas amigas, uma a uma, escorregaram, caíram e deslizaram junto com as águas. eu passei a madrugada inteira procurando por elas e tentando salvá-las. quando já era dia, eu estava num quarto para onde levava os corpos delas. elas estavam nuas e pálidas, deitadas em colchões no chão. estavam inconscientes e eu ainda não sabia se sobreviveriam. no cômodo ao lado, havia uma estante onde repousavam cobras enroladas em espirais.

tudo tinha uma conotação meio sagrada. acho que elas só voltariam à vida se eu conseguisse salvar a todas. então, acordei as outras pessoas do imenso casarão e busquei ajuda para resgatar as que ainda faltavam. fim.



em tempo: alguém sugere uma análise para isso?

5 comentarios:

vinicius dijo...

Em tempo: elas foram todas salvas e estão bebendo água de côco em Moreré. Podes crer? :p

Eduardo Baró dijo...

Me faz lembrar, muito, um episodio que acontece no livro de Octavio Paz. El Mono Gramático.
Na India: Hanuman, o deus macaco, criador do mundo, voa e vai nomeando as coisas que sao e serao.
Ve uma reuniao de mulheres dormidas, os corpos sao como uma caligrafia que escreve palavras, ou poesia.
Parabens por sonhar assim e pelos aniversarios. O meu sera de aqui a pouco, comemorando com Gisele na casa nova.

mario dijo...

vc assistiu Avatar, recentemente?

Maria Cláudia Cabral dijo...

Que sonho lindo! A morte é mudança, muita mudança, assim como as cobras significam mudança. Uau! Parabéns, Nanda, pelas mudanças.

nei dijo...

hoje mesmo recebi um mail de uma amiga da holanda que teve um sonho...
parece que está havendo uma epidemia de sonhos nas pessoas legais...
serão os terremotos ou a profecia maia?